Senge-DF

Visite o site do Sindicato de Engenheiros de Brasília www.sengedf.com.br

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Político não joga conversa fora ou o leão e o gato

Esta matéria pode ser reproduzida livremente desde que citada a autoria e o endereço deste blog
Engenheiro Danilo Sili Borges

Semana passada os engenheiros brasileiros foram atacados por conhecido político como sendo incompetentes. Sei, por já ter vivido muito, que declarações de políticos nunca são gratuitas ou impensadas. Elas têm sempre um endereço, um objetivo estratégico a ser alcançado, talvez um serviço esteja sendo prestado a um chefe. Mesmo os menos brilhantes aprendem logo essa manipulação da mídia.
As reações das nossas entidades foram diretas ao ponto em que fomos atacados (exceto pelo Confea que preferiu não polemizar, que gracinha!!!). É preciso, no entanto, saber que objetivos as declarações, as felinas declarações, pretendem atingir.
Não nos esqueçamos de que no início da questão dos médicos algumas autoridades atribuíam àquela categoria profissional os males do sistema público de saúde no Brasil. A coisa evoluiu e deu no que deu. Tudo bem armado.
Pode ser também que o caos instalado nos aeroportos permaneça durante a Copa e os reais responsáveis pelo fracasso estejam tirando os seus respectivos da reta.
Alguns políticos são corajosos como leões. Seus objetivos mais facilmente são identificados, era assim Leonel Brizola, que por coincidência era engenheiro, que registrado Itagiba, trocou seu nome para Leonel, de acordo com suas características pessoais. Inteligente e irônico alcunhou muitos de seus desafetos com expressões, que pela propriedade, tornaram-se eternas.

Outros fazem da sutileza sua marca. Logo procuram uma família rica e importante para se protegerem e levar boa vida, mas assim que se sentem bem e alimentados, pulam a cerca. Mas não perdem a sutileza, característica de toda a vida. Tem-se a impressão de que andam encostados nas paredes, silenciosamente, como verdadeiros gatos angorás. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário